Tags

,

Replicamos pra vocês uma matéria bem bacana da revista Boa Forma que foi publicada no portal MdeMulher sobre o uso de xampu com ou sem sal. É bem esclarecedora e fala quais as diferenças entre ambos. Não deixem de ler.

Xampu com ou sem sal? Foto: Getty Images

Se você também está na dúvida se pode ou não comprar um xampu com sal, vale ouvir a opinião de alguns especialistas. Maria Fernanda Reis Gavazzoni Dias, dermatologista do Pantene Institute no Brasil, diz que as consumidoras brasileiras aderiram ao uso do xampu sem sal como o “salvador dos fios ressecados”. “Talvez o mito tenha surgido pelo fato de a água salgada endurecer e ressecar o cabelo. Mas não existe xampu salgado! O sal é um importante componente e, quando usado nas concentrações adequadas, jamais terá qualquer influência negativa na estética dos fios.”

O principal agente de limpeza de quase todos os xampus é o lauril sulfato de sódio ou derivados deste. “Trata-se de um limpador excelente, mas o xampu seria muito aguado se tivesse apenas este ativo. Para que, literalmente, o produto não escorra por entre os dedos, é preciso adicionar algo que encorpe o líquido e gere espuma. É aí que entra o cloreto de sódio, em quantidade suficiente e mínima”, explica Maria Fernanda. Com ela concorda Regina Schechtman: “As concentrações são muito baixas e não causam nenhum dano”. Valcinir Bedin assina embaixo.

“O sal é apenas um espessante, não interferindo em nada na qualidade do xampu no estado dos fios.”

Uma observação: os bons xampus trazem agentes hidratantes que protegem o cabelo do sal que, de fato, poderia danificá-lo – como o do mar e o liberado pela transpiração. “As moléculas desses hidratantes se ligam com muito mais força à queratina e à cutícula do fio do que o sal. E tem mais, elas se depositam nas partes destruídas e ressecadas, exatamente onde há o dano e a necessidade de reparo.

Dessa forma, usando produtos de qualidade, estaremos livres do sal que realmente importa”, finaliza Maria Fernanda.

Reportagem: Rosana Faria de Freitas/ Edição: MdeMulher/ Foto: Getty Images